Guía Clínica para la EH

Diagnóstico y Manejo de la Enfermedad de Huntington 2016, una Guía Clínica Auspiciada por la Agrupación Chilena de Huntington que o Fator-H recomienda.

La guia, que agradece a colaboração em sua elaboração a la Dra. Cristina Sampaio -CHDI Foundation Inc.-, também señala o apoio mientos pelo apoio permanente da Dra. Claudia Perandones e do Dr. Ignacio Muñoz-Sanjuan no apoio à iniciativa.

O sentido desta guia é abordar os problemas de saúde que vivem todas as famílias portadoras sintomáticas e não sintomáticas de Enfermedad de Huntington, que requerem el dg y manejo adequado por profissionais competentes, tener al alcance tratamiento sintomático que han demostrado impactar efetivamente en la qualidade de vida dos pacientes com Huntington e suas famílias. Este guia está sujeito a mudanças conforme o avanço do conhecimento científico, a tecnologia disponível e según evoluciona as áreas de saúde em atenção. O sentido deste guia é fornecer recomendações sobre diagnóstico e manejo terapêutico e de reabilitação, em alguns casos as recomendações não serão avaliadas por evidências científicas, mas sim, pela experiência de um grupo de especialistas no manejo de doenças de Huntington, sem embargo à inexistência de evidências em certos aspectos sem justificativa limitada a utilização de um procedimento ou aporte de recursos.” (Cochrane)

Gracias al CETRAM por el permiso de enfrentar esta guía disponible um través de Fator-H

GUÍA CLÍNICA PARA LA EH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados

Deixe uma Resposta

PT